• PINBALL BOSCH Venha jogar com Deus e com o demónio BoCA - Biennial of Contemporary Arts


Obra-prima da coleção do Museu Nacional de Arte Antiga, o tríptico "As Tentações de Santo Antão" de Hieronymus Bosch (1505) é um marco fundamental da história da arte ocidental. Tal como fez em muitas das suas produções teatrais (por exemplo, com Rubens, Memling, Giotto, Caravaggio ou Antonello da Messina), Rodrigo García gosta de brincar com o património e com as referências culturais da pintura religiosa do Renascimento, de que ele próprio é muito conhecedor, para coloca-las em diálogo com os paradigmas, as histerias ou os contrastes da época contemporânea. Traduzindo o tríptico nos códigos visuais e sonoros de um artefato hoje quase mítico da cultura do século XX, a máquina de flippers das épocas disco e pop, Rodrigo García casa como sempre a admiração e a irreverência para oferecer aos visitantes uma experiência inédita do quadro e permitir entrar no mundo demoníaco e alucinado que rodeava o pintor naquele tempo. Uma abordagem em forma de piscadela de olho que talvez não tivesse reprovado o espírito brincalhão de um Bosch livre de convenções... Vais resistir à "bola extra" do diabo?

Inauguração às 17h00

Estreia Mundial

Classificação etária
Maiores de 12

Ficha técnica
Sons: Daniel Romero e Rodrigo García
Grafismo: Arturo Iturbe
Direção técnica: Bernard Lhomme
Produção executiva: Benoît Hennaut
Produção: BoCA
Co-produção: Humain trop Humain / CDN de Montpellier, Museu Nacional de Arte Antiga

Apoio: Institut Français e Institut Français du Portugal, no âmbito do foco sobre a criação contemporânea francesa em 2017

BoCA - Biennial of Contemporary Arts

+info


Rodrigo García

Rodrigo García (1964, Buenos Aires) é um encenador, Dramaturgo, videaste e cenógrafo hispano – argentino, director do Centro Dramático Nacional de Montpellier (França).
Na década de 90 fundou em Madrid a companhia La Carniceria Teatro. As suas peças foram produzidas pelos festivais e teatros mais prestigiantes do mundo: o Festival d’Avignon, o Centro Dramático Nacional de Madrid, o Teatro Nacional de Bretanha, a Bienal de Teatro de Veneza, o Festival de Outono de Paris, o Festival de Outono de Madrid, a Schaubunne Berlin, Deutsche OperBerlin, Athens Festival, Tokyo Festival, Bonlieu Scène National d’Annecy, steinricherherbst (Graz), Berliner Festpiele, entre outros.
Em 2009, a UNESCO atribui-lhe o Prémio Europa de Teatro -Novas Realidades Teatrais.
Tem mais de 20 livros editados em França, pela Solitaire Intempestifs. Em Portugal, tem três livros, editados pela Cotovia / Livrinhos do Teatro .
Em Portugal, apresentou várias peças no Festival Citemor (Montermor-o-Velho), tendo apresentado   “Ronald,   o   palhaço   do   McDonalds”   no   Centro   Cultural   de   Belém,   e , em 2015, passou pelo Teatro Nacional D. Maria II e pelo Teatro Municipal Rivoli com a sua nova criação “4”, produção do CDN Montpellier e Festival d’Automne à Paris.