Dar a ver. A escolha do conservador

Está de regresso, e em novo formato, um dos mais conhecidos programas de divulgação do acervo do MNAA. Através do programa «Dar a ver. A escolha do conservador», o MNAA revela dez obras de arte guardadas nas suas reservas, a partir de vídeos a disponibilizar mensalmente no website e nas redes sociais. Desde uma pequena escultura em biscuit, passando por uma miniatura de uma artista americana ou por um globo de vidente, convidamos à descoberta, até dezembro, de dez obras surpreendentes.
Acompanhando o lançamento de cada vídeo, as obras em destaque serão expostas ao público no Museu, em rotatividade, a partir da última quarta-feira de cada mês.

Episodio 1/10 | DAR A VER. A escolha do conservador "Uma Cadeira de John Gee"
Patrícia Milhanas Machado | Coleção de Mobiliário

Cumprindo o desejo do seu marido, Eliezer Kamenezky, figura ímpar do panorama cultural lisboeta, em 1957 Arnilda Roque Penim doou um conjunto de peças ao MNAA. Uma delas foi a cadeira de braços da autoria de John Gee, importante fabricante estabelecido em Londres.
Nela encontramos reunidos elementos do reportório grego romano e egípcio – esfinges, uma cabeça de leão e putti – numa clara alusão ao espírito revivalista do designado estilo Regência (c. 1790-1837).